[autor] Agatha Christie

15 de setembro de 2011 - quinta-feira - 16:12h   ¤   Categoria(s): Autores

Agatha Christie (✫ Torquay, Inglaterra, 15.set.1890 – † Wallingford, Inglaterra, 12.jan.1976) foi uma escritora britânica. Agatha Christie
Considerada a “Rainha do Crime”, é autora de mais de 80 livros e coleções de contos, diversas peças de teatro e 6 romances românticos sob o pseudônimo de Mary Westmacott. Com 4 bilhões de cópias vendidas de seus romances que foram traduzidos para pelo menos 103 idiomas, Agatha Christie é superada somente pela Bíblia e pelas obras de Shakespeare.

Caçula de 3 filhos, Agatha foi educada dentro de casa, por decisão de sua mãe, que acreditava que crianças não deveriam aprender a ler antes dos 8 anos de idade. Aos 5, a garota aprendeu a ler sozinha. Sua educação foi dada basicamente através dos seus pais, de tutores e babás/damas de companhia. Dentre seu aprendizado estavam matemática, conhecimentos gerais, piano, canto, dança e francês.

Durante a I Guerra Mundial, a escritora foi enfermeira e, posteriormente, farmacêutica em um hospital, funções que influenciariam seu trabalho, já que muitos dos assassinatos em seus livros se dariam através de venenos.

Após um conturbado “namoro” de 2 anos, Agatha casou-se pela primeira vez em 1914 com Archibald Christie, piloto do Corpo Real de Aviadores. O casal teve somente uma filha, Rosalind, nascida em 1919, que também viria a ser a única filha de Agatha e mãe de seu único neto, Mathew Prichard.

A escritora teve seu 1º romance publicado em 1920: O Misterioso Caso de Styles. O protagonista, detetive Hercule Poirot, seria personagem de mais 33 livros e dezenas de contos de Agatha Christie.

Em 1926, após seu marido ter lhe contado que estava apaixonado por outra mulher e que desejava o divórcio, a escritora desapareceu durante 11 dias, o que causou muita repercussão na imprensa. Neste mesmo ano, Agatha escreveu o que foi considerada sua obra-prima: O Assassinato de Roger Ackroyd.
O divórcio dos Christies só aconteceu de fato 2 anos depois, em 1928.
Em 1930, casou-se pela segunda vez, com o arqueólogo Max Mallowan, 14 anos mais jovem. Com o marido, Agatha viajou pelo mundo inteiro, realizando diversas expedições arqueológicas, o que serviu de inspiração para novas histórias, como Morte no Nilo. O casamento feliz com Mallowan durou até a morte da escritora.

Em 1934, no auge da carreira, Agatha publica um de seus livros mais famosos, Assassinato no Expresso do Oriente, que foi adaptado diversas vezes, para o cinema, teatro e TV.
Em novembro de 1952, estreou no Ambassadors Theatre, em Londres, a sua peça A Ratoeira. Em março de 1974, a peça foi para o St. Martin’s Theatre, onde continua sendo exibida até hoje. Por esta obra, a escritora detém o recorde no Guinness pela peça que está há mais tempo em cartaz em toda história do teatro.

Em 1971, Agatha Christie recebeu a mais alta condecoração do Reino Unido, tornando-se Dama da Ordem do Império Britânico. Em 12 de janeiro de 1976, a escritora faleceu de causas naturais e está sepultada no Cemitério da Paróquia de St. Mary, Cholsey, Oxfordshire, Inglaterra.

O Assassinato de Roger Ackroyd
O Assassinato de Roger AckroydTrês mortes estranhas em sequência despertam grande curiosidade na moradora de uma pequena vila inglesa. Ela tem então por vizinho um visitante, chamado Hércule Poirot. Essas três mortes envolvem respectivamente um assassinato, um suicídio e um segundo assassinato. O primeiro corpo é do marido de uma mulher que, depois, se suicida. Seu suicídio é seguido pela morte de um terceiro homem, que se descobre ser amante dela. A mulher, por sua vez, estava sendo chantageada em função de ter matado o marido para ficar com o amante. O assassino de seu amante talvez seja, então, o chantagista, que estava para ser descoberto, ou talvez não seja.

Assassinato no Expresso do Oriente
Assassinato no Expresso do OrientePouco depois da meia-noite, uma tempestade de neve pára o Expresso do Oriente nos trilhos. O luxuoso trem está surpreendentemente cheio para essa época do ano. Mas, na manhã seguinte, há um passageiro a menos. Um americano é encontrado morto em sua cabina, com doze facadas, e a porta estava trancada por dentro. Pistas falsas são colocadas no caminho de Hercule Poirot para tentar mantê-lo fora de cena, mas, num dramático desenlace, ele apresenta não uma, mas duas soluções para o crime.

 
Suas obras foram (e certamente continuarão sendo) adaptadas em diversos formatos e meios de comunicação, como filmes, peças, séries de TV, graphic novels, anime e até video game.
A adaptação mais famosa, de Assassinato no Expresso do Oriente, é de 1974.

Mais informações sobre a escritora: http://agathachristie.com/

Veja também:
Sequência dos livros da Agatha Christie

    2 comentários para “[autor] Agatha Christie”

  1. MarciaDesiree disse:

    Oi Lia! Bacana seu blog. Também estou começando, tenho só 03 meses. Me visite!
    http://www.tesouroliterario.com
    @marciadesiree

  2. Aleitora disse:

    O Post está muuuito bom, amei de verdadade!!
    Já li 14 livros dela ( se não me engano) A grande maioria com Poirot ♥ ( acho que 2 deles não foram). Recentemente comprei 2 livros, mas ainda não tive tempo de lê-los e, para variar, os dois são com Hércule Poirot ^^

    Gostei de saber um pouco mais sobre a vida dela, até então só tinha lido comentários. Quando li o trecho que diz que a mãe dela não pensava que crianças não deveriam aprender a elr antes dos 8 anos, lembrei me do livro ” A menina que não sabia ler” ( já leu?) noto uma certa semelhança entre ela e a protagonista, mas como não quero dizer nenhum spoiler… digo apenas que a Agatha conseguiu “canalizar melhor” os efeitos da leitura ^^

    Óoootimo post!!!
    Até mais!
    :*

Comente!

Spam Protection by WP-SpamFree