[resenha] Feios

31 de janeiro de 2013 - quinta-feira - 20:24h   ¤   Categoria(s): Desafios, Ficção Científica, Literatura estrangeira, Resenhas

FeiosTítulo: Feios
Título original: Uglies
Autor: Scott Westerfeld
País: EUA
Ano: 2005
Editora: Galera Record
Páginas: 415
Sinopse: Em uma sociedade futurística, todos os adolescentes esperam ansiosos o aniversário de 16 anos, pois então serão submetidos a uma inacreditável cirurgia plástica, que corrigirá todas as suas imperfeições físicas, transformando-os em perfeitos. Tally,porém, acaba se envolvendo em uma conspiração e descobrirá que, por trás de tanta perfeição, se esconde um terrível segredo.
Compre: compare preços

Tally viu um casal de perfeitos passar e sentiu algo que costumava sentir ao observar um rosto perfeito. [...] Havia algo mágico naqueles olhos grandes e perfeitos, algo que praticamente obrigava as pessoas a prestar atenção ao que diziam, a protegê-los dos perigos, a fazê-los felizes. Eles eram tão… perfeitos.

Avaliação:
O livro se passa numa época muito depois da queda dos Enferrujados, onde reciclagem e sustentabilidade são fenômenos naturais. A partir dos 16 anos, todos os seres humanos são submetidos a uma cirurgia complexa onde deixam de ser Feios e tornam-se Perfeitos. Olhos muito separados ou pequenos, pele com espinhas, gordura corporal de mais ou de menos e altura “inadequada” são somente alguns exemplos de imperfeições a ser corrigidas e todas as pessoas são enquadradas dentro do padrão de beleza. Tally Youngblood está prestes a completar 16 anos e não vê a hora de poder ficar perfeita, deixar Vila Feia, ir morar em Nova Perfeição e se divertir o quanto conseguir, pois é apenas isso que os jovens perfeitos devem fazer.
Entretanto, neste meio tempo, Tally conhece Shay, uma garota decidida a não fazer a operação. Ela conta à protagonista sobre a Fumaça, uma cidade onde moram as pessoas que optaram por não se tornar Perfeitos. Nos dias que antecedem a cirurgia de Tally, Shay foge de Vila Feia para encontrar a Fumaça.
O segredo por trás deste mundo de Perfeitos é o que Tally acabará por descobrir.

Achei bastante intrigante o conceito-base do livro, sobre a operação que padroniza a beleza das pessoas. A ideia que a sustenta faz bastante sentido e usa como justificativa justamente os valores e atitudes que encontramos no mundo atual. Mas o livro também apresenta os poréns desta nova forma de pensar através dos rebeldes que se recusam a se tornar Perfeitos e a fazer parte desta sociedade onde tudo parece funcionar milimetricamente. Um outro ponto que me causou bastante reflexão, mas que não foi muito exposto, foi a questão dos Enferrujados. Pelas descrições e críticas, com certeza se referem à nossa sociedade de hoje. Com nossa forma de exploração do único planeta que temos para viver, estaremos caminhando para a citada queda?
O enredo em si também prende bastante, o desenrolar da história consegue te fazer querer voar por cima do texto.

Apesar de eu ser “inflacionada” em termos de livros de distopia (pois os primeiros que eu li foram Admirável Mundo Novo e 1984 – e eu vou sempre falar disso a cada resenha de um livro do gênero), gostei bastante de Feios e estou me segurando para não ler tão já a continuação, que tenho aqui em casa.
Feios
Esta resenha faz parte da meta de janeiro do Projeto Variedade Literária. Se você leu algum livro do gênero correspondente ao mês, deixe o nome do livro nos comentários. Se fez resenha, coloque o link para eu poder ler. =)

    4 comentários para “[resenha] Feios”

  1. soniacarmo disse:

    O livro que escolhi para o desafio deste mês também foi Feios.

    http://retalhosnomundo.blogspot.com.br/2013/01/resenha-feios-de-scott-westerfeld.html

    soniacarmo
    retalhosnomundo.blogspot.com.br

  2. Maritza Bom disse:

    Oi Lia, adorei a resenha!! Estou com alguns livros da série me esperando na estante e confesso que depois da sua resenha, eles muito provavelmente vão ser uma das minhas próximas leituras!! Também já li algumas distopias e espero gostar dessa, pois tenho lido ótimos comentários sobre essa série!! Parabéns pela resenha!!

    Te espero lá no Prólogo da Leitura, até mais!!!

  3. Bruna disse:

    Olá!!

    Já li os três livros da série (não sei lerei Extras) e, assim como a você, Feios fez-me pensar muito sobre o que é retratado, não só a questão estética, mas a social e ambiental. Achei tudo muito interessante e bem fundamentado, ou seja concordo com tudo o que você disse rs ^.^

    Mas essa série me desperta sentimentos confusos, principalmente por parte da Tally, que às vezes me deixa com um pouco… para ser sincera nem sei como definir nesse momento (tanto que não postei resenha no blog, apesar de ter começado a escrever). Para mim a história é meio inquietante e isso só piora no decorrer da leitura. Não posso dizer que amo a série, mas ela faz isso com a gente, dá vontade de ler todos os livros de uma só vez e saber como tudo termina.
    Não vou falar mais, caso contrário começarei a comentar os outros livros ;p

    Tenho muita vontade de ler as duas distopias que você citou, estão na lista ^^

    Espero as próximas resenhas *.*

    Até mais!!
    ;*

  4. Aline T.K.M. disse:

    Ahh, sou suspeita para falar, já que adoro a série Feios! Realmente, o primeiro livro da série surpreende pelo universo criado com tantos detalhes e trazendo analogias interessantes. Recomendo que você leia logo Perfeitos e Especiais, são incríveis também. Extras também é legal, mas como vc deve saber, não é bem uma continuação.

    Bjs
    LivroLab.blogspot.com

Comente!

Spam Protection by WP-SpamFree