Categoria: ‘Suspense / Ação’

Inferno Ilustrado #01

22 de junho de 2013 - sábado - 19:52h   ¤   Categoria(s): Dicas, Literatura estrangeira, Romance, Suspense / Ação

Ler Dan Brown é parar pra pesquisar no Google a cada 5 linhas de texto. =D
O lado ruim é que a leitura fica mais lenta. O lado bom, ótimo, maravilhoso, é a quantidade de coisas que você aprende!

Para os outros 3 livros do personagem Robert Langdon, a Editora Arqueiro lançou as versões ilustradas, e com certeza vão lançar também para Inferno.
Mas enquanto essa edição não vem às lojas, eu pensei: “Por que não dividir com meus visitantes o que eu for encontrando na internet, pra deixar a leitura de Inferno mais divertida pra eles?”
Por isso, resolvi fazer a série de posts Inferno Ilustrado, rs.
Inferno Ilustrado
Cada post vai abranger alguns capítulos (não sei precisar quantos, vai depender do tamanho que o post ficar). Haverá mapas, fotos, links e definições.
Para este primeiro post, temos o Prólogo e os capítulos 2 e 7. Os capítulos 1, 3, 4, 5 e 6 não têm menções que necessitem de esclarecimento.

Divirtam-se! ^_~

 
Prólogo

Localização de Florença (Florence em inglês, Firenze em italiano) no território da Itália, o rio Arno e a cordilheira dos Apeninos
Florença
Indicação no mapa de: Via dei Castellani, Galleria degli Uffizi e Piazza di San Firenze
mapa FlorençaLink para visão de rua da Galleria degli Uffizi: Google Maps
Link para visão de rua da Piazza di San Firenze: Google Maps

Lampredotto: prato/sanduíche típico florentino, feito do 4º e último estômago da vaca, o abomaso.
Lampredotto

 
Capítulo 2

Palazzo Vecchio na visão skyline
Palazzo Vecchio

Um quadro de Max Ernst: Oedipus Rex (1922)
Oedipus Rex - Max ErnstOutras obras de Max Ernst, aqui.

 
Capítulo 7

Campanile, Badia, Bargello, Il Duomo
Campanile, Badia, Bargello, Il Duomo

Nascimento de Vênus (c. 1482~1485), Botticelli
Nascimento de Vênus

Anunciação (c. 1472~1475), Leonardo da Vinci
Anunciação

Davi (1501-1504), Michelangelo
Davi

Gray’s Anatomy: O Henry Gray’s Anatomy of the Human Body é um livro clássico sobre anatomia humana e foi primeiramente publicado na Grã-Bretanha, no ano de 1858.
Gray's Anatomy

Puck: personagem da obra Sonho de uma Noite de Verão, de Shakespeare, é também conhecido por Robin Goodfellow e baseia-se em um antigo personagem da mitologia inglesa, igualmente chamado Puck.
Puck

 
Próxima edição:
Edição #02 – Capítulos 10, 13, 14 e 15
Edição #03 – Capítulos 17 e 18

Resenha do livro: aqui

Créditos para imagens e sites utilizados para composição deste post:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Wikip%C3%A9dia:P%C3%A1gina_principal
http://zeta-lab.it/en/assets/immagini/zlab_italia_mappa.png
http://people.wku.edu/darlene.applegate/oldworld/webnotes/4medaegean/images/map%20italy.jpg
http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Lampredotto_sandwich.JPG
http://www.visualphotos.com/photo/2×4752776/italy_tuscany_florence_palazzo_vecchio_view_of_town_hall_and_city_at_morning_RUEF000561.jpg
http://www.ciaoadriano.com/Europe%202007/Italy/04_8_Days/Images_8_Florence/900/Florence-Nov07-D4824sAR900.jpg
http://www.infoescola.com/wp-content/uploads/2012/03/nascimento-de-venus.jpg
http://www.fraternidaderosacruz.org/da_vinci_anunciacao.jpg
http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/d/d5/David_von_Michelangelo.jpg
http://img2.mlstatic.com/grays-anatomy-livro-luxo-capa-dura-em-couro-novo_MLB-O-153480119_1311.jpg
http://owl.irkutsk.ru/PICS/ART/PALANTIR98_FANTASY/plf98-060_a_midsummer_nights_dream.jpg

Reportar erros:
Se alguma grafia, definição, localização ou imagem estiver incorreta, por gentileza, entre em contato.

[parceria] autor: Sérgio Felici Costa

16 de abril de 2013 - terça-feira - 18:47h   ¤   Categoria(s): Literatura nacional, Parcerias, Suspense / Ação, Terror / Sobrenatural

Oooooi!!! Eu queria anunciar pra vocês a parceria do blog com o Sérgio Felici Costa, autor do livro (e série) Afterlife!

SÉRGIO FELICI COSTA
Sérgio Felici CostaSérgio Felici Costa nasceu na cidade de Pouso Alegre, Minas Gerais, em 11 de outubro de 1993. Sempre gostou de ler, desde histórias infantis a gibis. Costumava parar para ler outdoors e placas com nomes de ruas. Na quinta série, escrevia textos para apresentar diante da classe, e foi reconhecido por sua escrita séria e ao mesmo tempo divertida.
Em 2009 escreveu seu primeiro romance. Ele foi destinado para o público jovem, já que o autor, na época, tinha 15 anos. Em 2010, veio seu segundo romance, um pouco mais sério, por se tratar de uma trama policial. Já em 2011, no início do mês de dezembro, deu o pontapé inicial a série Afterlife, destinada ao público adulto. A série continua sendo escrita, e o autor a considera sua maior realização, por planejá-la em seis livros.
Sérgio Felici Costa atualmente está cursando Letras pela Faculdade Asmec de Ouro Fino, Minas Gerais.

AFTERLIFE
AfterlifeTítulo: Afterlife
Gênero: Drama
Páginas: 113
Sinopse: Melanie Hank passou dez anos em uma clínica psiquiátrica, na Flórida, após presenciar a morte dos pais. Ela é constantemente atormentada por sonhos e visões, onde fantasmas aparecem para ela, desejando seu corpo e sua alma, querendo que ela aceite a morte. Inesperadamente, conhece um paciente da clínica, Mike Morrison, e constrói uma amizade com ele. Com o tempo, ambos planejam fugir da clínica, mas seus planos podem estar correndo sérios riscos com a interferência de Richard, um especialista que cuida do caso de Melanie e do diretor da clínica, que colocam várias barreiras para atrasá-los. Lidando com uma luta interior, Melanie vai aos poucos tendo que conviver com a realidade, e com as revelações que a vida lhe traz, e também com o passado que tanto quer esconder.

Links:
Blog do autor: sergiofelicicosta01.blogspot.com.br
Skoob do livro: aqui
Página no site da editora: aqui

 
Obrigada, Sérgio, pela parceria com o blog! Tenho certeza que seu livro vai ter muito sucesso!

Sequência dos livros da Tess Gerritsen

5 de abril de 2013 - sexta-feira - 16:49h   ¤   Categoria(s): Dicas, Literatura estrangeira, Policial, Sequência de livros de autores, Suspense / Ação

Tess GerritsenAssim como o Harlan Coben, a autora Tess Gerritsen tem muitos livros lançados, alguns deles fazendo parte de uma série com os mesmos personagens e tendo sido lançados no Brasil em uma ordem quase aleatória, por editoras diferentes.
A intenção desse post é exatamente o mesmo que o do Harlan Coben: botar ordem na casa e ajudar a esclarecer os leitores. Neste caso, a coisa fica um pouco mais fácil porque as traduções dos títulos são mais amigáveis.
 
 
Série Rizzoli / Isles

TÍTULO ORIGINAL ANO
(EUA)
TÍTULO NO BRASIL ANO
(BRA)
EDITORA
The Surgeon 2001 O Cirurgião 2005 Record
The Apprentice 2002 O Dominador 2005 Record
The Sinner 2003 O Pecador 2006 Record
Body Double 2004 Dublê de Corpo 2007 Record
Vanish 2005 Desaparecidas 2008 Record
The Mephisto Club 2006 O Clube Mefisto 2010 Record
The Keepsake 2008 Relíquias 2012 Record
Ice Cold 2010 Gélido 2013 Record
The Silent Girl 2011 A garota silenciosa 2014 Record
Last To Die 2012 A última vítima 2014 Record
Die Again 2014 O Predador 2015 Record
I Know A Secret 2017 - - -

 
 
Série Thrillers médicos

TÍTULO ORIGINAL ANO
(EUA)
TÍTULO NO BRASIL ANO
(BRA)
EDITORA
Harvest 1996 - - -
Life Support 1997 Vida Assistida 2012 Record
Bloodstream 1998 Corrente Sanguínea 2011 Record
Gravity 1999 Gravidade 2009 Record
The Bone Garden 2007 O Jardim de Ossos 2009 Record
Girl Missing 2009 - - -

 
 
Série Romances de suspense

TÍTULO ORIGINAL ANO
(EUA)
TÍTULO NO BRASIL ANO
(BRA)
EDITORA
Call After Midnight 1987 Chamada à Meia-Noite - Record
Under the Knife 1990 O Fio do Bisturi 2016 HarperCollins
Never Say Die 1992 - - -
Whistleblower 1992 O Delator 2011 Harlequin
Presumed Guilty 1993 Supostamente Culpada 2011 Harlequin
Peggy Sue Got Murdered 1994 - - -
In Their Footsteps 1994 - - -
Thief of Hearts 1995 - - -
Keeper of the Bride 1996 Sabor de Perigo - Record

 
 
Livros standalone

TÍTULO ORIGINAL ANO
(EUA)
TÍTULO NO BRASIL ANO
(BRA)
EDITORA
Playing with Fire 2015 Valsa Maldita 2016 Record

 
 
Essa pesquisa foi feita juntando as seguintes fontes:
Wikipedia
Livraria Cultura
Site da Tess Gerritsen
Se souber de alguma informação incorreta ou faltante, por favor me fale!

Espero que tenha ajudado!

Veja também:

[resenha] Feche Bem os Olhos

25 de março de 2013 - segunda-feira - 14:09h   ¤   Categoria(s): Literatura estrangeira, Policial, Resenhas, Suspense / Ação

Feche Bem os OlhosTítulo: Feche Bem os Olhos
Título original: Shut Your Eyes Tight
Autor: John Verdon
País: EUA
Ano: 2011
Editora: Arqueiro
Páginas: 425
Sinopse: David Gurney sempre foi viciado em resolver enigmas. Mesmo dois anos depois de ter trocado a carreira policial pela pacata vida no campo, sua mente investigativa não consegue resistir a uma boa charada. Foi assim com o caso do Assassino dos Números, um ano antes. Agora, a história se repete quando ele é convidado para trabalhar como consultor e ajudar a polícia a desvendar um instigante homicídio. Jillian Perry, uma jovem de 19 anos, foi morta de maneira brutal no dia do próprio casamento. Todas as pistas apontam para um misterioso jardineiro, só que nada mais na história se encaixa – o motivo, o lugar onde a arma do crime foi deixada e, principalmente, o modus operandi. A princípio, David reluta em aceitar o convite, preocupado em preservar seu casamento, já que sua esposa, Madeleine, é totalmente avessa ao seu envolvimento em qualquer assunto policial. Porém, recusar-se a participar da investigação seria ir contra sua essência e David acaba se convencendo de que não conseguirá dormir em paz enquanto o criminoso estiver à solta. Quando começa a entrevistar parentes e conhecidos de Jillian e a avançar no caso, fica claro que o assassino é não só mais inteligente e implacável do que ele esperava, como também destemido o suficiente para atacar seu ponto fraco. David terá que pensar além das evidências para desvendar o quebra-cabeça mais sinistro com que já se deparou.
Compre: compare preços

– Sabe quando a gente simplesmente assimila o que vê numa cena de homicídio e começa a visualizar o que aconteceu para que os elementos do local se encontrem na posição em que estão?
Gurney deu de ombros.
– Claro. É automático. É o que a gente faz.
– Então, eu fiquei observando como todo o sangue das carótidas desceu por um só lado do corpo, apesar de o tronco estar sentado ereto, meio sustentado pelos braços da cadeira, e fiquei pensando por quê. Quer dizer, há uma artéria de cada lado, então por que o sangue foi todo para um lado só?

Avaliação:
Eu poderia começar esta resenha dizendo que Feche Bem os Olhos, em relação ao livro anterior, Eu Sei o Que Você Está Pensando, é basicamente “mais do mesmo”. Só que essa frase soaria totalmente pejorativa, sendo que o que eu quero dizer, na verdade, é que todos os excelentes elementos encontrados no primeiro livro também se encontram no segundo. As pistas aparentemente sem sentido, o quebra-cabeça de fritar o cérebro (tanto do detetive quanto do leitor), a inteligência do assassino, a profundidade dos personagens, os ensinamentos sobre aspectos técnicos dos métodos de investigação e o ritmo (mais mental do que de ação) da narrativa são as partes que se unem e orquestram de forma perfeita, mais uma vez, este novo livro do John Verdon.

O enredo em si é ótimo, chamando a atenção e intrigando o leitor como se o dragasse para dentro do livro. Jillian Perry, a noiva assassinada, 19 anos de idade, estava se casando com um homem rico, muito mais velho do que ela. A princípio, nada de tão estranho, principalmente pelo fato de a família da noiva também ser extremamente rica. O problema é que o noivo é diretor da escola especial onde Jillian estudou. A escola… bem… é voltada para ajudar e educar adolescentes problemáticas, com históricos de abuso sexual. Não, não para garotas que sofreram abusos, mas que causaram abusos em outras crianças.
Mas o perfil desta personagem não é o elemento mais perturbador deste livro. A esta informação, o detetive David Gurney deverá juntar todas as pistas explícitas, caçar novas peças que a investigação até agora deixou passar, e tentar fazer tudo se encaixar em uma história com começo, meio e fim. Por maior e mais insensata que esta história possa parecer.

Uma coisa que eu realmente gostei nos 2 livros do John Verdon e que quero comentar novamente nessa resenha é em relação ao foco no raciocínio e inteligência como instrumentos principais para solucionar o caso. Não há perseguições de carro, lutas, tiros ou brigas no grito. Quando David Gurney precisa “partir para a ação”, geralmente são investigações onde a discrição, a calma, a lucidez e o equilíbrio são altamente necessários para se obter o que precisa.

Para os leitores que estão se perguntando sobre a ordem dos livros, não se preocupem. Apesar de Eu Sei o Que Você Está Pensando acontecer 1 ano antes de Feche Bem os Olhos, é perfeitamente possível ler os livros independentemente, sem ordem, ou ler apenas um deles. Não há continuações, cada livro tem uma história fechada que começa e termina.
Feche Bem os Olhos
Leia um trecho: FecheBemosOlhos_Trecho.pdf

[resenha] O Advogado da Vida

15 de fevereiro de 2013 - sexta-feira - 09:05h   ¤   Categoria(s): Literatura nacional, Resenhas, Romance, Suspense / Ação

O Advogado da VidaTítulo: O Advogado da Vida
Autor: Jean Postai
País: Brasil
Ano: 2012
Editora: Novo Século
Páginas: 415
Sinopse: Quando começa o direito à vida? Essa pergunta fica quase impossível de ser respondida quando o médico Arthur Galanidel é preso por supostamente realizar abortos ilegais em sua clínica, inclusive em uma menor de idade. O advogado David é escalado para defender o caso, sofrendo a pressão da imprensa e da sociedade, que discutem se uma mulher tem ou não o direito de abortar e se o médico é ou não um criminoso. Será que David conseguirá convencer os jurados a inocentar o médico? Em quais situações é permitido a uma mãe optar por dar ou não à vida a seu filho? Neste emocionante thriller jurídico, as perseguições, tramas e provas são misturadas a todo momento, criando um romance fantástico, de tirar o fôlego. Tudo isso para, no final das contas, o caso ser julgado por sete jurados que decidirão onde começa e até onde vai o mais fundamental dos direitos: o direito à vida.
Compre: compare preços

David se aproximou mais e ficou chocado com o que viu. Era ali, no meio daquela favela, que diversos abortos eram realizados de maneira completamente ilegal, à margem do Estado. Estavam numa clínica clandestina. Era ali que pessoas sem qualquer formação realizavam procedimentos cirúrgicos arriscados, com pouco ou nenhum conhecimento da Medicina, tudo porque muitas mulheres pobres não podiam realizar o aborto em outro lugar, com melhores condições.

Avaliação:
O doutor Arthur Galanidel, obstetra renomado e com clientes ricos e famosos, foi preso acusado de realizar abortos ilegais em sua elegante clínica, inclusive de menores de idade. Mesmo com condições financeiras para contratar um advogado experiente, Arthur prefere escalar David Puskas, um jovem cujo escritório de advocacia ainda não começou a dar lucros animadores. Do outro lado, a acusação do Ministério Público, a imprensa e agressiva promotora Morgana Corbani.
Sob absurda pressão e correndo contra o tempo, o advogado do médico terá que se desdobrar para encontrar provas e argumentações que sejam convincentes para inocentar seu cliente. Em seu caminho, encontrará tanto pessoas querendo ajudar quanto querendo prejudicar a qualquer custo.

Acho que não estarei exagerando se disser que O Advogado da Vida já começou prendendo minha atenção na primeira página. E leitura calma é algo que eu não consegui encontrar em nenhum momento da história! Seja estando tensa nos momentos de suspense, seja correndo na leitura junto com a velocidade das cenas de ação, seja segurando a respiração nos diálogos mais inteligentes e decisivos, o livro te agarra de um jeito que você quer sempre ler mais, para saber o que vai acontecer a seguir.
Entretanto, este livro não é apenas um thriller muito bem escrito e com um ótimo enredo. O Advogado da Vida trata de um assunto extremamente polêmico em nossa sociedade: a legalidade do aborto. Ao longo da história, o tema é exposto sob os dois pontos de vista, mostrando fatos e informações contra e a favor. Para mim, em particular, a leitura foi muito enriquecedora, pois sou justamente uma pessoa que não tem exatamente uma posição em relação ao aborto, mas está aberta a escutar qualquer argumento. E eu acho que é justamente com esse tipo de pensamento que este livro deve ser lido.

Outro ponto que achei extremamente interessante está no fato de os termos jurídicos, usados com muita frequência no texto inteiro, não tornarem, de jeito nenhum, a leitura pesada, morosa ou difícil. Eu, que nunca me interessei por Direito, achei extremamente agradável ter aprendido alguns conceitos.

Eu gostei de verdade deste livro, e queria agradecer – sim, neste post – ao Jean Postai pela oportunidade de poder ler uma história emocionante e dinâmica, que expandiu mais a minha opinião sobre o aborto e me ensinou muito.
O Advogado da Vida