Tag: ‘Ed. Academia de Inteligência’

[resenha] O Que os Homens Dizem, O Que as Mulheres Ouvem

21 de dezembro de 2012 - sexta-feira - 09:54h   ¤   Categoria(s): Autoajuda, Resenhas

O Que os Homens Dizem, O Que as Mulheres OuvemTítulo: O Que os Homens Dizem, O Que as Mulheres Ouvem
Título original: What Men Say, What Women Hear
Autor: Linda Papadopoulos
País: Canadá
Ano: 2009
Editora: Academia de Inteligência
Páginas: 211
Sinopse: Os homens vivem dizendo que as mulheres são complicadas. Mas e elas? Conseguem entendê-los? Em ‘O que os homens dizem, o que as mulheres ouvem’, Linda Papadopoulos lida com o abismo que existe na comunicação entre homens e mulheres e que pode complicar ou até mesmo arruinar o primeiro encontro, a primeira vez ou o sonho de viverem felizes para sempre. Aplicando técnicas clínicas a exemplos divertidos – e tão familiares -, a respeitada psicóloga ajuda as leitoras a controlar a ansiedade e reavaliar o que pensam sobre si mesmas. Mais que isso, ela decifra o que e como pensam os homens.
Compre: compare preços

Ele diz: “Esse vestido ficou ótimo! Vamos comprá-lo!”
Você ouve: “Você é mesmo muito bonita. Sinto que estamos muito próximos um do outro.”
Ele quis dizer: “Pelo amor de Deus, os oitos últimos vestidos pretos que você experimentou são idênticos! Compre logo um, para que a gente possa chegar em casa a tempo de eu ver o jogo!”

Avaliação:
Este livro trata de um assunto bastante comum na vida dos casais heterossexuais, que é o problema do abismo na comunicação entre as partes. Ela pode ocorrer em diversos estágios de um relacionamento: no primeiro encontro, no estabelecimento de um compromisso, na ocasião de conhecer os “sogros”, na decisão de morar junto, no casamento e inclusive na possível traição.

Parte da teoria é um pouco de “mais do mesmo”. Como eu já li diversos livros de autoajuda, meio que cansei de ouvir que homens raciocinam de forma diferente das mulheres. Mas este livro também traz alguns conceitos que achei bastante interessantes, como o fato de que aquilo que você interpreta na fala do outro é, na maioria das vezes, baseado em experiências anteriores e valores fortemente arraigados no seu inconsciente. Parece óbvio chegar a esse tipo de conclusão, mas as pessoas não têm consciência disso no exato momento em que estão entendendo tudo errado e se magoando (ou iniciando uma discussão) por simples problema de interpretação.
Em cada um dos estágios abordados, o livro dá inúmeros exemplos de diálogos típicos, onde um fala uma coisa e o outro entende de uma forma totalmente equivocada. A autora passa um raio-x nesses diálogos e mostra, com as dicas baseadas nos conceitos trazidos, como evitar que seus medos, traumas e crenças possam gerar tempestade em copo d’água a partir de um simples e inocente comentário.

Na minha opinião, acho que o livro é mais recomendado para quem não tem o costume de ler muito autoajuda. Quem lê o gênero com uma certa frequência poderia achar que não acrescentou muito conhecimento. E quem realmente curte ler sobre relacionamentos (que é o meu caso) vai achar que saber um pouco mais nunca é demais.
Mas se você é uma das partes de um casal que se desentende facilmente, este livro irá esclarecer boa parte do que acontece quando você e seu parceiro não gostam do que ouvem um do outro.
O Que os Homens Dizem, O Que as Mulheres Ouvem